Criação de conteúdo: terceirizar ou produzir internamente?

Shapers | 27/02/2019 | 6 minutos Conteúdo

O marketing de conteúdo tem muitas etapas importantes, sendo preciso dedicar tempo a cada uma delas, como a criação de conteúdo.

“Decidir o que não fazer é tão importante quanto decidir o que fazer.” - Steve Jobs

Por isso, se você vai iniciar essa estratégia em seu negócio, confira se é melhor terceirizar ou produzir internamente o seu conteúdo. Ah, mas antes de decidir se vai terceirizar ou produzir internamento o conteúdo, é preciso levar em consideração diversos pontos que envolvem a criação de conteúdo, como:

Pessoal qualificado para produzir os conteúdos

A criação de conteúdo envolve o conhecimento sobre os temas que serão abordados, a marca, o público-alvo, tom e a linguagem adequada. Por isso, não pode ser escrito por qualquer profissional, é preciso delegar essa tarefa para alguém que já tenha familiaridade com o assunto e estratégia utilizada.

Dentro da empresa, os profissionais conhecem o produto, serviço e a marca, sendo um ponto favorável. Contudo, nem sempre é a melhor opção devido a falta de conhecimento em marketing de conteúdo e os diversos aspectos que envolvem essa estratégia.

Confira o Guia Completo sobre Marketing de Conteúdo.

Outro ponto importante é verificar se há necessidade de outros formatos de conteúdo, pois conteúdo em vídeo ou imagens, além do redator, também há necessidade de designer gráfico e até um profissional em edição de vídeos. É possível que algum profissional interno seja multitarefas, porém não é recomendado sobrecarregá-lo ou deixar essas funções para um colaborador sem conhecimento na área.

Custo

O custo que envolve uma produção própria ou terceirizada pode variar. Assim, a empresa também deve levar em consideração esse ponto na hora da criação de conteúdo. Ter um profissional específico para essa função dentro da empresa pode ter um custo alto, enquanto ao terceirizar, esse custo pode ser controlado conforme a necessidade de produção.

Além disso,  com a terceirização, é possível ter mais liberdade em buscar uma nova parceria, caso o trabalho desenvolvido não atenda as expectativas ou necessidades da empresa. Porém, ao contratar um profissional interno para realizar essa atividade pode não ser tão vantajosa, nesse caso. Afinal, esse é um vínculo mais burocrático e que, a longo prazo, pode ter um custo maior para a empresa.

Agilidade

Na maioria dos casos, a produção terceirizada costuma ser mais ágil, pois existem mais profissionais envolvidos na criação do conteúdo, enquanto na interna essa tarefa é delegada para poucas ou apenas a um profissional.

A entrega rápida é um ponto positivo, pois o cronograma deve ser seguido para que os conteúdos sejam entregues ao público conforme a definição estipulada no planejamento. Contudo, o controle interno na entrega é mais simples, se comparado a produção terceirizada.

Em contrapartida, as vezes é necessário produzir conteúdos mais emergenciais que estejam fora do planejamento realizado, nesse caso, ter um profissional interno na produção facilita esse processo.

Diferenciais de cada produção

A produção interna é possível ter um controle maior da produção, mais liberdade e conhecimento sobre o assunto. Essa é uma opção ainda mais relevante em conteúdos de fundo de funil, quando ha decisão da compra.

A produção terceirizada pode ser ideal no topo e meio de funil, pois, nessas etapas há muitos processos envolvidos. E para que não ocorra falhas na estratégia de marketing de conteúdo, é indicado contar com serviços profissionais terceirizados.

Conhecimento em boas práticas de SEO

Na internet, as boas práticas são essenciais para que as ações realizadas tenham o resultado esperado. Uma delas é são as boas práticas em SEO.

O SEO (Search Engine Optimization) ou otimização para motores de busca também deve fazer parte da criação de conteúdo. Assim, é preciso trabalhar assuas técnicas para que o blog, site, redes sociais e outros canais onde o conteúdo serão entregues estão otimizados e, com isso, os conteúdos serem melhor ranqueados, encontrados e acessos pelo público-alvo.

Ah, mas engana-se quem pensa que SEO é apenas inserir palavras-chave  ao longo do texto produzido. Muitas outras ações são necessárias e levadas em consideração ao utilizar o SEO, como:

  • SEO On Page
  • SEO Off Page
  • Qualidade do conteúdo
  • Tamanho do conteúdo
  • Uso de título interno
  • SEO Title
  • URLs amigáveis
  • Uso de Heading Tags

Por isso, é essencial que o profissional responsável por produzir e divulgar o conteúdo também tenha esse tipo de conhecimento. Assim, é um grande ponto a ser pesado na hora de decidir se a produção será feita internamente ou terceirizada.

 

Mas, qual escolher: criação de conteúdo própria ou terceirizada

O melhor é sempre buscar aproveitar ao máximo as oportunidades que cada uma dessas escolhas tem a oferecer, pois cada uma delas é vantajosa para a estratégia de marketing de conteúdo da empresa. Contudo, é sempre necessário delegar o conteúdo correto para cada tipo de produção.

Produção interna de conteúdo

O conteúdo de fundo de funil é uma das etapas mais importantes, afinal é nela que ocorre a decisão de compra. Assim, é uma fase indicada para realizar a produção interna dos conteúdos.

Além disso, nesta fase a empresa já teve o auxílio prestado pela terceirizada referente ao planejamento das pautas, conteúdos e formatos relevantes em cada etapa e outras soluções. Então está muito mais preparada para criar um conteúdo relevante para que o cliente decida pela compra.

Produção terceirizada de conteúdo  

A produção terceirizada também possui uma grande vantagem, principalmente na produção de conteúdos de topo e meio de funil, pois, com conhecimento mais preciso de atração de visitantes e criação de relacionamentos com o público, a estratégia de marketing de conteúdo pode ser implementada de forma  bem sucedida.

Outro ponto importante que uma empresa terceirizada pode realizar as ações necessárias na criação de conteúdo, como:

  • Escrever conteúdos em grande escala
  • Atrair o maior número de interessados
  • Fazer com que o público reconheça suas “dores” e deixar que ele perceba a solução oferecida pelo produto, serviço que a empresa oferece para solucioná-las.

Gostou de saber o que influencia em terceirizar ou produzir internamente o seu conteúdo? Então, aproveite e leia também: “Como criar conteúdos que convertem”.


Shapers
Shapers 27/02/2019 | Conteúdo
Você merece conteúdo de qualidade. Assine nossa newsletter. Cadastre seu e-mail ao lado e receba conteúdos exclusivos, insights e tendências. Fácil assim.
Campos com (*) são obrigatórios